Mindfulness: Reduzindo Sofrimento Secundário

12/07/2014

Pode-se dizer que existem dois tipos de sofrimento. O sofrimento primário é toda sensação física desagradável ​​que pode ocorrer como conseqüência de doenças, lesões, fadiga, etc. Você pode não ser capaz de fazer qualquer coisa quando está afetado por este nível de sofrimento e a tarefa mais importante neste instante é aceitar e fazer as pazes com isso da melhor maneira possível. A prática da respiração consciente, um exercício de mindfulness bem simples, pode ajudá-lo a fazer isso, e a aprender a relaxar com a respiração e seu corpo, tanto quanto possível. 

 

Por outro lado, existe um sofrimento outro, que aqui chamaremos de sofrimento secundário, que é a angústia humana que todos nós experienciamos e que é uma reação ao sofrimento primário: sentimentos como raiva, medo, depressão, ansiedade e desespero que nós instintivamente adicionamos em cima de qualquer sensação desagradável ou evento em uma densa rede de reatividade e luta. Com mindfulness, ou atenção plena, você pode aprender a modificar e reduzir essas experiências de sofrimento secundário. Isso tem o objetivo de ajudar você melhorar sua qualidade de vida, mesmo que o sofrimento primário permaneça inalterado, ou mesmo que se agrave no caso de você ter uma condição degenerativa.

 

FONTE: Breathworks Facebook

ADAPTAÇÃO DE TEXTO: Centro de Mindfulness e Redução de Estresse

Please reload

Destaque

Interação entre Mudanças Neuroanatômicas e Psicológicas Após Treinamento de Mindfulness

11/11/2014

1/10
Please reload

Recente
Please reload

Procure por palavras-chave